Layouts
Horizontal Caixa

A Novartis informou que os dados iniciais de 48 semanas para os estudos clínicos em fase 3 chamados de HAWK e HARRIER do seu novo antiangiogênico chamado brolucizumab (RTH258) para degeneração macular relacionada com a idade na forma úmida (exsudativa) demonstraram um intervalo de retratamento durável de 12 semanas para a maioria dos pacientes nos 2 estudos (significa que o paciente poderá fazer uma injeção a cada 3 meses aumentando assim o intervalo das aplicações e o conforto do paciente) . Dado este dado altamente positivo, a Novartis agora planeja tentar a aprovação pela FDA (órgão americano de regulamentação das drogas semelhante a Anvisa no Brasil) para tratamento da degeneração macular relacionada com a idade (úmida) no final de 2018 e iniciar estudos clínicos para testar o medicamento para tratamento da retinopatia diabética e oclusão venosa da retina em 2018 também. Também é possível que o brolucizumab seja tentado em terapia combinada no futuro e também em um formato de liberação sustentada (drug delivery system).